ia – IA Programa de Residência Artística 2022 2o semestre - Conteúdo - Série Diálogos #TEMPO

Série Diálogos #TEMPO

Duplas do quarto e último Programa de Residência Artística 2022

A já tradicional Série Diálogos, que se configura como o resultado de exercícios de criação realizados em duplas de trabalho durante o programa de residência IA – Instituto de Arte Contemporânea de Ouro Preto –, encerra o ano de 2022 em sua quarta edição, tomando várias formas, como a dos grãos de areia de uma ampulheta que mede o TEMPO. Quem atua, manipula e flui na viagem da vez são as pessoas artistas que você pode conhecer aqui.

O objetivo dos encontros é tornar públicas algumas das discussões e ações artísticas decorrentes do programa, como parte das atividades artísticas e formativas da instituição, voltadas a artistas, professores, educadores e estudantes interessados em processos de criação em artes. A primeira edição girou em torno da palavra EXTINÇÃO, a segunda teve como mote a palavra OFÍCIO e a terceira se dedicou ao CUIDADO. Essas três séries geraram debates importantes que você pode conferir clicando em cada uma das palavras.

As lives contam com mediação e orientação curatorial de Tainá Azeredo e Valquíria Prates, com assistência de Pompea Tavares, e acontecem no canal do IA na plataforma YouTube.

FANTASIA-MEMÓRIA

Diálogos com Bruno Novaes e Xikão Xikão

cHAt fabULosxXx

Em algum recanto do ciberespaço, dois avatares estão chateando em busca de conexão. Nessa conversa, são compartilhadas intimidades e memórias que parecem hackear as noções de tempo e identidade. Um bate-papo atravessado por ausências e ficções. Um chat fabuloso para um público bisbilhoteiro. Quer tc?

ÁGUA-MOVIMENTO

Diálogos com Charlene Bicalho e Abiniel João Nascimento

Afundar eucalipto. Boiar marritório. Espiralar densidade. Encontrar água. Expandir correnteza. Afiar escuta.

ARQUEOLOGIA-PELE

Diálogos com Nita Monteiro e Shima

Uma artista põe a mesa enquanto outro cozinha. Objetos e alimentos dialogam em viagem pelas lembranças, misturando memórias familiares e transformando vida em ficção, num exercício de arqueologia cotidiana. Peles que trazem novos sentidos por aproximação.

O Projeto é idealizado pelo IA - Instituto de Arte Contemporânea de Ouro Preto, realizado pela Secretaria Especial da Cultura e pelo Ministério do Turismo, conta com recursos da Lei Federal de Incentivo à Cultura e patrocínio da Gerdau.